Sem fábrica, Nike atrasa uniformes

Facebooktwitterpinterestmail

(fonte: Máquina do Esporte)

Uma das maiores preocupações e dificuldades dos times de várzea é com a manutenção do jogo de uniformes da equipe. Com parcos recursos financeiros, essas equipes amadoras sempre têm um responsável por pegar o [BP]uniforme[/BP] após a partida, levá-lo à lavanderia e reutilizá-lo no jogo seguinte.

No futebol de alto rendimento, os grandes clubes não sofrem com o mesmo problema. Acordos milionários com fornecedores de material esportivo chegam a assegurar cerca de 5 mil jogos de [BP]camisas[/BP] durante um ano para um clube.

Pelo menos é isso que prevêem os acordos dos clubes de maior torcida do país. Além de um valor desembolsado em espécie pelas fabricantes, há um outro, que é calculado pela quantidade de uniformes cedida à equipe.

Recentemente, porém, o [BP]Corinthians[/BP] viveu uma situação inusitada. Em um determinado jogo do Campeonato Paulista, o clube usou o uniforme da coleção passada da [BP]Nike[/BP]. Na época, a diretoria alvinegra alegou que, por “superstição”, havia adotado a antiga vestimenta. Mas o motivo era bem diferente.

Neste ano, a Nike rompeu o acordo de produção de seus artigos com a fabricante Drastosa. Sem o fornecimento da fábrica, porém, a empresa de material esportivo não tem conseguido entregar novas peças a seus clientes. Sendo assim, o Corinthians ficou sem material para entrar em campo pelo Paulista.

A situação não é ruim apenas no clube paulista. Produtos feitos no Brasil com a marca da multinacional estão começando a rarear nas lojas. Alguns lojistas reclamam, nos bastidores, da ausência dos artigos nacionais para vender, uma vez que os produtos importados não conseguem concorrer no preço. O [BP]Flamengo[/BP] também sofre com a falta de uniformes.

Procurada pela reportagem, a assessoria de comunicação da Nike afirmou que a empresa não se posicionaria a respeito do assunto. Ao jornal “Folha de S. Paulo”, a Nike negou haver qualquer problema com o fornecimento de material esportivo para o Corinthians.

Facebooktwitterpinterestmail
PSST! Quer ganhar 10%OFF nas compras acima de R$300 na FutFanatics (exceto lançamentos)? Clique aqui, use o cupom FNT10FC e aproveite!

2 comentários sobre “Sem fábrica, Nike atrasa uniformes”

  1. Gostaria de saber poque os tênis desta marca são tão caros, pois sei também que são muito bons mas é que eu n/ aguento mas comprar tênis de futsal de seis em seis meses. meu filho é goleiro de futsal (um dos melhores na categoria sub-15, joga pelo Clube Náutico de recife/ foi campeão este final de semana em João pessoa-PB na copa Norte Nordeste de futsal e também o melhor goleiro)e gasto demais,antes de terminar de pagar um já tenho q/ comprar outro. Será q/ vocês n/ podem fazer nenhuma doação ou dar um presente p/ uma mâe que gasta demais c/ os tênis da marca de vocês, q/ ele tanto adora ele calça 42.Obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *