Sorteio de camisa!

Eu juro, mas juro mesmo, que não tinha me dado conta de que o post anterior tinha sido o milésimo post: como houve a duplicação de alguns posts em uma migração do ano passado, eu perdi a conta da quantidade real de posts. Bom, se é isso mesmo, só temos que comemorar, todos nós, pelo sucesso do blog. E só tenho que agradecer aos leitores, membros da comunidade, comentaristas, contribuidores, entusiastas, enfim, todos que gostam de camisas e se congregaram neste espaço para compartilhar sua paixão. Muito obrigado mesmo!

Enfim, o milésimo post veio bem a calhar para uma idéia que eu tive há algum tempo: testar lojas virtuais através de compras anônimas, relatando minuciosamente como foi a compra (quanto tempo demorou para chegar, como foi o atendimento, teve que pagar taxa na alfândega, quanto ficou o frete para o Brasil). E, comprovando meu desprendimento da matéria (!), vou sortear a camisa comprada entre os membros da comunidade. Topam?

Ainda não bolei a mecãnica completa da ação, mas a primeira etapa é escolher a loja, através da enquete abaixo. Se vocês tiverem alguma sugestão de loja que deva ser incluída, interajam na própria enquete ou me escrevam.

Digna do Zé do Caixão…

Essa camisa do West Ham é uma peça necessária em qualquer coleção que se preze. Nem tanto pelo desenho – que eu acho muito bonito por sinal – ou pela raridade da gambiarra feita pra esconder o patrocínio da XL Holidays, mas pelo pitoresco do nome e pelo número do jogador que a veste: o atacante português Luis Boa Morte, que atua no futebol inglês desde 1997, e que enverga a camisa 13 dos hammers. Só falta lançarem uma camisa preta comemorativa…

Jaqueta do Marseille

Ainda estou bestificado com as possibilidades desta maravilha da eletrônica chamada tevê-a-cabo: Faustão, novelas e afins foram substituidas por atrações muito mais interessantes, do naipe de Fiorentina-Palermo, Werder Bremen-Borussia Dortmund e afins. Só através dela é possível descobrir, assistindo a Paris Saint Germain x Olympique (4-2 pro PSG, em pleno Vélodrome), a jaqueta do Marseille. Não sei dizer se gostei, mas achei bem peculiar, seguindo a linha da camisa 3. Tá à venda por 55 lascas na loja do OM.

Qual a camisa do Brasil na Copa de 70?

O Wilson de Oliveira Junior levantou uma velha dúvida – afinal, qual a marca do uniforme brasileiro na Copa de 70: Umbro ou Athleta? A conclusão provável é: as duas. Senão vejamos:

Dê uma olhada nos vídeos de jogos da Copa de 1970 que estão no You Tube. Se você olhar bem, verá que a dúvida sobre a marca – ou as marcas – da camisa da Seleção naquele Mundial persiste. Ao contrário do que alguns acreditam, a camisa com números “arredondados” não foi utilizada somente na final contra a Itália. Em praticamente todos os jogos daquela Copa, o Brasil usou dois tipos de números, os “quadrados” – possivelmente da Athleta – e os “arredondados” – que se parecem muito com os que a Umbro fez para a Inglaterra naquela mesma época. Cada um em um tempo. Acho que alguns jogadores trocavam porque as camisas ficavam excessivamente suadas devido ao calorão do México. Não sei se as duas empresas (Athleta e Umbro) forneceram material pro Brasil na Copa de 70, mas as camisas, exceto, pelos números são iguais. Por isso, acredito que sejam de apenas uma das duas marcas. E é mais provável que seja a Athleta, pois naquele tempo
praticamente não havia grandes multinacionais de uniformes fornecendo para times do mundo inteiro. E olha que na exposição do Paulo Gini você fotografou uma camisa de goleiro da marca Umbro. Mas pode ser também que somente as camisas de goleiro daquela Seleção fossem da Umbro. Bom, em meio a essa salada toda, eu acho que a dúvida sobre as marcas ainda persiste.

Os vídeos são dos jogos contra Uruguai (semifinal), Romênia (terceiro da primeira fase) e Peru (quartas-de-final)

– No vídeo do jogo contra o Uruguai, pause aos 1:24, quando acontece o gol do Clodoaldo no fim do primeiro tempo; e aos 1:37, quando o Pelé dribla o Mazurkiewicz sem tocar na bola e chuta pra fora. Em uma imagem (primeiro tempo), os números são “arredondados” e na outra (segundo tempo), são “quadrados”. E só conferir nas camisas do próprio Pelé.

– No vídeo do jogo contra a Romênia, pause aos 0:17, quando o Pelé faz um gol de falta; e aos 0:46, quando os europeus comemoram um gol e Piazza e PC Caju aparecem de costas. Em uma imagem (primeiro tempo), os números são “arredondados” e na outra (segundo tempo), são “quadrados”.

– No vídeo do jogo contra o Peru, pause aos 1:01, quando o Tostão comemora o gol do Rivelino; e aos 1:24, quando o mesmo Tostão marca seu gol e Pelé e Jairzinho aparecem de costas. Em uma imagem (primeiro tempo), os números são “arredondados” e na outra (segundo tempo), são “quadrados”.

Se quiserem, podem olhar nos vídeos dos outros jogos e verão que isso também se repete.

Camisa do Beveren – 1986

Já tinha remexido os arquivos mortos. Já tinha remexido as pilhas de revistas da sala. Tinha faltado a Grande Caixa do Aspirador de Pó do Quarto de Empregada. E a Placar que tinha a foto da camisa tava lá. Enfim, eis a camisa do Beveren, da Bélgica, de 1986, provavelmente a mais antiga camisa Nike após a camisa do Sunderland de 1984.

Depois do desenho pasteurizado da camisa do Sunderland, eles se superaram, não?

Primeiros resultados do safari

O Dan achou a camisado Beveren, de 1986, feita pela Nike, tá de costas mas é ela. Valeu!

E o Ricardo Pisani achou uma camisa Nike mais antiga ainda: a do Sunderland, em 1984.

A história está no True Colours, de onde extrai um trecho:

Curiously the shirt featured the Nike logo on the left hand side of the jersey and the club badge on the right; a reversal of the traditional placement that sees the team crest generally placed over the heart. Was the reason for this switch an audacious attempt to buck the trend and shake up football kit design? No, it was simply easier to take pre-existing branded team shirts (that already included the Nike logo on the left) and sew the Sunderland badge on rather than produce whole new jerseys.

Confesso que não entendi: as camisas nas quais a Nike costurou o logo do Sunderland eram de outra marca?

Enfim, a brincadeira continua…qual é a aparição mais antiga de cada marca em uma camisa?