Camisa da Itália para 2012?

Saiu no FSC a foto da provável camisa da Itália para a Euro 2012. A camisa ficou com cara de camisa dos anos 90, com essa padronagem do tecido e essa golinha pólo (lembrou um desenho de gola que a Umbro usou bastante no fim dos anos 90).

Sei lá, gostei do resultado final – apesar de achar a primeira camisa da Nike, a de 95/96, MUITO melhor que essa.

Corinthians extingue 5 estrelas para valorizar uniforme e aumentar o distintivo

Já tinhamos falado sobre isso anteriormente – o que me chamou a atenção agora foi a carta que justifica a retirada das estrelas. Palmas pra quem elaborou o texto (saiu no UOL):

“A história do Corinthians é grandiosa. Marcada por infinitas glórias.

As conquistas são muitas. Heróicas. Épicas.

Uma visita ao Memorial do clube dá bem a noção do quão vencedor é o Corinthians. Vale a pena!

E cada Corinthiano tem a sua conquista preferida. Algum título em especial é mais marcante na vida de cada fiel. Todos têm a sua “vitória de estimação”.

Há o Corinthiano que se recorda com carinho de determinado título porque foi o primeiro a assistir no estádio. Para alguns, marcante foi aquela primeira conquista comemorada ao lado do filho. Ou a última na companhia do saudoso pai.

Há aqueles, mais vividos, que se emocionam ao lembrar do título do 4º Centenário.

Para muitos, nada superará o grandioso título de 1977.

E o que dizer dos títulos de 1982 e 1983 conquistados quando o Corinthians dava exemplo de democracia para o Brasil?

Inesquecíveis, também, são os títulos da Copa do Brasil, buscados em terras distantes.

Enfim, títulos é o que não falta. Preferências também não.

Nenhum desses acima citados, porém, estão representados na nossa camisa, como se tivessem sido preteridos.

Não há como o clube eleger os principais. Não há principais. Não há estrelas que brilhem mais do que as outras.

E não há dúvidas de que essa história centenária continuará no caminho das conquistas, anexando novas “vitórias de estimação” aos Corinthianos.

Mas se título cada um tem o seu preferido, o emblema é único.

É o belíssimo desenho de Rebolo que une todos os Corinthianos em torno de uma única paixão.

É o escudo que nos protege dos adversários. É o distintivo que nos distingue dos outros.

A camisa continuará com o escudo na altura do coração. Agora, até maior.

E do lado de dentro, no coração de cada um, continuará a brilhar a estrela preferida.”

Camisa do Go Ahead Eagles (quem?)

O Go Ahead Eagles (se você acha o nome bizarro, saiba que antes ele chamava Be Quick) é um time holandês bastante tradicional (foi fundado em 1902), mas que está na segunda divisão holandesa há uns 15 anos. Enfim, o time não é lá essas coisas mas o uniforme, na minha modesta opinião, é uma das mais perfeitas combinações já executadas pela Hummel.

Mais fotos no site do time, e (pra quem quiser passar vontade) no catálogo da Hummel disponível no site da Sport Direct (não confundir com a Sports Direct).

Camisa de goleiro do Corinthians

Ao ver esta camisa neste álbum do Facebook (esse é o modelo “genérico”, mas tenho quase certeza de que Ronaldo e Wilson usaram este modelo jogando pelo Corinthians), não pude deixar de suspirar “ah, os anos 90…”: notem a riqueza dos icones de cada um dos alvéolos da parte superior: dois hominhos chutando, um tomando gol, uma bandeira estilizada…)

Torcedores de Manchester United e City se unem para jogar camisas de Tevez no lixo

Daqui a algum tempo valerão milhões…

A passagem de Tevez por Manchester parece mesmo ter chegado ao fim. Insatisfeitos com o comportamento do atacante, torcedores dos arquirrivais United e City se uniram em uma campanha contra o argentino, que pretende desencorajar o jogador a permanecer na cidade.

Em uma iniciativa bem humorada, a Betfair, patrocinadora do United, convida as torcidas dos clubes de Manchester a jogarem no lixo as suas camisas oficiais de Tevez. A campanha acontecerá neste domingo, quando United e City fazem o clássico local pelo Campeonato Inglês, no Old Trafford.

Duas caçambas de entulho, cada uma com as cores de um time, serão espalhadas no entorno do estádio do United, onde 75 mil torcedores são esperados para o clássico. Para incentivar ainda mais as torcidas a se desfazerem de suas camisas com o nome de Tevez, a patrocinadora promete dar uniformes novos em folha em troca.

Notícia completa no UOL.