Vitória lança campanha, tira vermelho do uniforme e vira alvinegro

Saiu no globoesporte.com, dica do Luciano, a belíssima sacada do Vitória de tirar o vermelho do uniforme (que por sinal ficou lindo) e ir colocando de volta nas listras (as versões com as listras gradativamente vermelhas também ficaram bem legais, lembrando um modelo feito pela Topper em 99) à medida que a campanha “meu sangue é rubro-negro” – de doação de sangue, claro está – tenha mais adeptos.

Estilista brasileiro une moda e futebol para homens em Paris

Quem disse que futebol e moda fazem uma dupla improvável? Um estilista brasileiro provou o contrário em Paris nesta sexta-feira (29) com uma linha masculina visando a Copa do Mundo de 2014, que será disputada no Brasil.

Gustavo Lins se uniu à marca brasileira de roupas esportivas Penalty para criar uma linha masculina de luxo para a próxima coleção primavera-verão cheia de referências ao mundo do futebol.

“É uma ponte entre o mundo da alfaiataria aqui na Europa e algo mais relaxado, mistura forte e leve, masculino e feminino”, afirmou o estilista à AFP depois do desfile em um pátio no distrito parisiense de Marais.

Casacos formais ou suéteres superfinos em tons ácidos foram misturados a calças esportivas – de algodão – ou calças justas com um cordão na cintura para um look ao mesmo tempo atlético e chique.

Para a noite, o smoking foi reformulado com calças esportivas e listras de cetim preto, figurino completado com tênis preto e branco de couro.

Com a palavra, os leitores – confesso que não acompanhei onde o futebol entra nessa história. Em todo caso, ponto pra ousadia da Penalty. Saiu no UOL Mulher.

Possível camisa do Vasco para 2012?

Saiu no NETVASCO, dica do Bruce, uma possível camisa do Vasco para 2012. Tá com cara de montagem, como bem observado pelos leitores, mas tomara que não seja – tá sóbria, equilibrada, com pinceladas bem sacadas da Penalty, como os punhos inspirados no logotipo da marca. Só nos resta torcer para: 1) o Eletrobrás evaporar da camisa; 2) (gosto pessoal) tirar a borda branca da Cruz de Malta.

Camisa do River Plate para 2012

Se eu não estiver enganado, a camisa seguinte à uma temporada desastrada costuma ser um pouco mais conservadora que as outras (e a da temporada desastrosa mais conservadora e inócua ainda, posto que os torcedores querem simplesmente ignorar qualquer vestígio de que o time esteve mal). Posto isso, a camisa para 2012 do River segue o script – o que é uma pena, já que a camisa da temporada passada estava muito boa. Meu gosto pessoal: a camisa do River deve ter o mínimo possível de preto, deixando a cor para calções e meiões. Saiu no Marca de Gol, dica do Rafael.

Camisa do Stade Français para 2012?

Pela primeira vez não curti uma camisa do Stade Français (ou pelo menos não achei tão interessante quanto as camisas dos últimos anos). A ideia dos raios incorporados às listras ficou boa (melhor que a solução tv-fora-do-ar da coleção Nike do ano passado), mas ficou conservadora demais – querendo ou não, o Stade é referência eterna pra camisas piradas. Foto do maillotfoot10.11

Camisa do Boca para 2012?

Dica do Júlio Cesar: a possível camisa para o Boca que saiu em vários sites como o Marca de Gol. Achei que a gola careca deixou este modelo melhor que o de 2008, praticamente igual salvo pela gola em V e o logo do Boca sem as estrelas – e o minimalismo da Nike, independente das opiniões sobre elee, era necessário após os últimos desenhos. Chamou a atenção o tamanho do patrocinador nas costas – dá margem para um bela fonte old-style (rezemos para que não seja a mesma da camisa do Corinthians e do Inter).

Camisa away da Juventus para 2012

Polêmicas em relação ao “30 sul campo” (e a gente achando que polêmicas com estrelas só aconteciam por aqui) à parte, a camisa da Juventus ficou bonita, isso é fato. Corinthianos: imaginem essa camisa em substituição à camisa preta com gola branca da coleção atual, mas com os mesmos elementos (logo, símbolo e um patrocinador). Juventinos: imaginem esta camisa sem estrelas, sem alusões a titulos, sem scudetto, sem o Jeep dentro do box branco…apenas com o IVECO das camisas do Corinthians na semifinal da Libertadores… A camisa já está à venda na Juventus Store por 80 euros, dica do Saulo.

Camisa do Tottenham para 2012

Post no forum do FSC, dica do Júlio Cesar, mostra a possível camisa dos Spurs para 2012. Olha, se for essa daí, eu gostei muito – a Under Armour chegou em um meio termo entre uma camisa pólo clássica e uma camisa mais, hã, despojada (a gola bem aberta, as faixas acompanhando o falso corte raglan, o detalhe cinza na lateral), alem da graça do cockerel aplicado no tecido às costas (vazaram também uns mockups das camisas 2 e 3 que eu torço para que não virem realidade). Acho que a chegada dos novos fornecedores (Warrior, Under Armour, até a Burrda) estão dando uma boa arejada nos últimos desenhos executados.

Camisa do NAC Breda, anos 80

Mais que as pirações dos anos 90, quando a tecnologia de transfer permitiu que virtualmente tudo podia ser desenhado em uma camisa, camisas européias do fim dos anos 80 também são interessantíssimas – havia liberalidade nos desenhos mas não havia recursos técnicos, o que limitava os recursos gráficos à efeitos com faixas, punhos, diagonais, golas, mangas assimétricas etc. Esta camisa do NAC Breda, da Holanda, é um belíssimo exemplo disso, inclusive na adequação do solitário patrocinador (bons tempos…) na faixa branca. Foto do Old Football Shirts.