Previsões para 2015

Achou que elas não vinham? Taí o que este blog crava que vai acontecer no mercado de uniformes esportivos de 2015:

JANEIRO: Puma vale-se de pré-contrato assinado com o São Paulo e mostra os uniformes do clube paulista. O uso de templates de seleções africanas para o uniforme, com o corte ajustado ao corpo, gerou grande repercussão (e memes) na internet. Barcelona confirma boatos e apresenta camisa listrada na horizontal em azul e grená para a temporada 2015/16. Boatos dão conta de que o Grêmio vestirá Nike na temporada. Campanha teaser em mídias sociais promete uniforme “inesquecível” para o Botafogo neste temporada.

FEVEREIRO: Erreà revela que também possui um pré-contrato com o São Paulo e por isso será o fornecedor dos uniformes da equipe paulista. Em meio ao impasse, o time usa os uniformes da Penalty apresentados em 2014. Conselho Deliberativo do Fluminense veta os uniformes apresentados pela marca alemã adidas. Vasco da Gama rompe com a Umbro e passa a usar uniformes sem marca. Campanha teaser em mídias sociais promete uniforme “inigualável” para o Atlético Mineiro neste temporada.

MARÇO: Pulse revela que também possui um pré-contrato com o São Paulo e por isso será o fornecedor dos uniformes da equipe paulista. Em meio ao impasse, o time usa os uniformes da Penalty apresentados em 2014. Santos rompe contrato com a Nike devido a problemas de fornecimento de uniformes para treinos e distribuição em lojas. Boatos dão conta de que o Grêmio vestirá Adidas na temporada. Olympikus é anunciada como fornecedora do Vasco em 2015.

ABRIL: Penalty revela que até ela possui um pré-contrato com o São Paulo e por isso será o fornecedor dos uniformes da equipe paulista.
Em estrondosa campanha de mídia, a Nike apresenta a camisa em listras horizontais pretas e brancas que será o uniforme titular do Corinthians para a temporada. A empresa nega qualquer alinhamento com a decisão de lançar camisas listradas na horizontal para o Barcelona. Vasco da Gama rompe com a Olympikus e passa a usar uniformes sem marca.

MAIO: Há boatos de que uma empresa de São Caetano será a próxima fornecedora de fardamento do time carioca. Boatos dão conta de que o Grêmio vestirá Umbro na temporada. Coritiba rompe contrato com a Nike devido a problemas de fornecimento de uniformes para treinos e distribuição em lojas.

JUNHO: Alegando otimização de produção e custos, a Puma apresenta uniformes idênticos para Atlético Mineiro e Botafogo em cerimônia simultânea em Belo Horizonte e Rio de Janeiro, sob o tema #somostodosalvinegros.

JULHO: Em estrondosa campanha de mídia, a Nike apresenta a camisa em listras horizontais verdes e amarelas que será o uniforme titular da Seleção Brasileira para a temporada. A empresa nega qualquer alinhamento com a decisão de lançar camisas listradas na horizontal para o Barcelona. Briga entre adidistas e naiquistas gera o primeiro perrengue nos comentários deste site.

AGOSTO: Boatos dão conta de que o Grêmio vestirá New Balance na temporada. A Viton 44 nega qualquer influência na escolha das cores da camisa 3 do Flamengo, em tons amarronzados que lembram a cor do Guaraviton. Briga entre adidistas e naiquistas gera o segundo perrengue nos comentários deste site. Há meses sem fornecedor, fãs do Santos criam a campanha #voltaNike.

SETEMBRO: Conselho Deliberativo do Fluminense veta novamente os uniformes apresentados pela marca alemã adidas. Em estrondosa campanha de mídia, a Nike apresenta a camisa vermelha com gola careca branca que o Internacional usará na temporada, em homenagem aos 30 anos da conquista do primeiro campeonato brasileiro. Fãs descontentes criam a campanha #voltaRhumell nas redes sociais.

OUTUBRO: Topper apresenta uniformes do Grêmio, sem mudanças significativas em relação ao uniforme do ano passado. Internautas criam a campanha #voltaPenalty nas redes sociais. Demora na publicação de post sobre o tema gera o terceiro perrengue nos comentários deste site.

NOVEMBRO: Finalmente apresentados os uniformes do Fluminense para 2015. A Viton 44 nega qualquer influência na escolha das cores do calção dos 3 uniformes, em tons amarronzados que lembram a cor do Guaraviton. Há meses sem fornecedor, fãs do Coritiba criam a campanha #voltaArkal.

DEZEMBRO: A marca Rhamps é anunciada como fornecedora de uniformes para o Vasco até 2021. Penalty divulga acidentalmente a camisa de aposentadoria do goleiro Fábio, do Cruzeiro.

Camisas Under Armour do Colo-Colo para 2015

A dica do Gustavo Silva sobre a camisa vazada do Colo-Colo para 2015 se mostrou bem certeira! Isso porque dia 29 o clube apresentou oficialmente seu novo conjunto. Segundo o FB do clube, os pixels se desfazendo na camisa titular são uma alusão a torcida, ao Estádio Monumental e as histórias que se criam quando ambos se juntam. Ideia bacana e foge do lugar comum de fotos de torcedores, nomes ou ainda a imagem literal da casa da agremiação.  No pescoço há a frase: “Somos Chile”. Já a camisa reserva é negra com detalhes em vermelho no pescoço a frase: “Campeão Eterno”. Porém, a peça que mais agradou a torcida cacique foi a volta da camisa amarela de goleiro.
Fotos: Divulgação

Camisas New Balance do O’Higgins FC do Chile

Enquanto a Warrior não se despede dos clubes europeus dando lugar a New Balance, no Chile a marca faz seu debut vestindo o O’Higgins FC. Minha opinião é de um conjunto honesto sem maiores emoções. Se o logo estampado fosse da NB ou de qualquer outra fornecedora local, o sentimento seria o mesmo. Gostava mais da camisa listrada tom sobre tom feita pela Diadora.
Fotos: Divulgação, Chile Kits, Football Kit News

Camisas Wilson do ABC de Natal para 2015

Quem é vivo, não importe onde esteja sempre há de aparecer. Taí a Wilson que não nos deixa mentir. Sinceramente, não tenho na memória uma marca que vá e volte em tão curto período de tempo quanto a Wilson. Pois bem, Gustavo Silva nos mandou o link do Mantos do Futebol com a divulgação da camisa titular e a reserva saiu no blog do AugustoX do Globo Esporte. com. O grande “W” da marca americana permanece sem inovações que vem no layout de degrade com listras, algo que dificilmente vemos nos produtos futebolísticos da Wilson. Vale lembrar que é o ano do centenário do clube Potiguar, justificativa dada para “inovação”! Já a camisa reserva é o tradicional branco liso. Não sei se os olhos já se acostumaram com a Caixa em todo canto, mas achei que ficou bom. Triste é a visível queda na qualidade do material usado, algo que já acontecia desde a última passagem dos americanos pelo São Caetano.

 

Camisa especial do Vasco da Gama-RJ

Todo Reveillon vemos um monte de torcedores vestindo camisas de seus times do coração alusivas a passagem de ano no melhor estilo Braziline. E mesmo não sendo este o objetivo, o mais novo lançamento da Umbro para o Vasco da Gama mencionada pelo Rafael Malta cumpre muito bem o papel. Branca com detalhes em dourado, a peça de edição limitada chega em comemoração ao ano de fundação do clube, 1898. A camisa ainda vem com a frase “Gigante desde 1898” bordada abaixo do brasão com a Cruz de Malta. Quem curtiu pode encontrar o novo manto vascaíno na loja oficial do clube.

Singelas palavras de Natal

Às vésperas de uma data que simboliza o Nascimento, meu singelo desejo que é cada um dos leitores tenha a oportunidade de experimentar um nascimento qualquer no dia de hoje: de um tema novo para sua coleção a um rumo novo para a vida, de um insight grandioso de como ser um ser humano melhor a algo mais simples como a rotina de um pequeno ato de bondade com os próximos. É uma data que ajuda bastante o poder de decisão dos humanos menos iluminados – acabei de ler a notícia da batalha da I Guerra que parou no dia 25 de dezembro em um momento de confraternização entre ingleses e alemães. E aí, o que nascerá em você neste dia? Feliz Natal e/ou Boas Festas a todos!

(amanhã quero todo mundo contando o que ganhou de Natal!)

Camisas do Botafogo-RP para 2015

Saiu no Facebook do Marketing Esportivo o lançamento da linha 2015 da Adidas para o Botafogo de Ribeirão Preto. Com a chamada “A Tradição está de volta”, a marca das três listras retorna com a clássica camisa branca com as faixas tricolores no sentido horizontal, na altura do peito. Já o uniforme suplemente permanece o mesmo. Gostei da volta da camisa tradicional da Pantera, ainda mais pelas listras também usadas no River nas mangas. Como de hábito, os patrocínios são o ponto fraco das criações, mas aí, são outros 500.

Camisas do Olimpia para 2015

O Mantos do Futebol achou primeiro a imagem de divulgação do lançamento das novas camisas do Club Olimpia do Paraguai feitas pela Puma para temporada de 2015. Deste lançamento o que mais encantou a torcida do Decano, fora os reforços, foi o retorno da Puma ao clube depois de mais de 20 anos. Junto ao novo fornecedor o Olimpia conquistou em 1992 o título do Torneo República e em 1993 de forma invicta o campeonato paraguaio. Em relação a camisa, o que me encantou foi a gola com os botões, usada no Atlas do México, no Rennes da França e motivo de discórdia na roda de debates. Outro ponto a favor, foi a capacidade de alinhar todos o patrocínios sem “esconder” o que importa, que é o escudo do clube e o logo da Puma.
Fotos: Divulgação, Ultima Hora

Camisa Penalty do Cruzeiro

A pressão estava grande depois do mundo de especulações e na última quinta-feira, nosso camiseiro Felipe Platzer deu a dica de que finalmente tínhamos imagens oficiais da nova camisa do Cruzeiro, agora fornecida pela Penalty.  Sem firulas ou tentativas de reinventar a roda, o modelo ficou bem acertado mesmo o com patch de campeão brasileiro ”invadindo” o peito da camisa. E como alegria de pobre dura pouco, os dois grandes de Minas já tem seu primeiro patrocínio para 2015, a marca de laticínios Cemil. Para não ser muito cri-cri deixo para vocês camiseiros julgarem o gosto da aplicação.

Novas camisas III e retro do Náutico

Se uma torcida está em lua de mel com o fornecedor de material esportivo de clube do coração, esta com certeza é a do Clube Náutico Capibaribe. Ontem foram oficialmente divulgadas pela Umbro as imagens das camisas III e retro do Timbu. Os dois novos uniformes serão vendidos juntos, em uma caixa especial. Segundo divulgação, a camisa retro possui um tecido especial. No peito, a bandeira do clube, que foi usada como escudo entre 1931 e 1969. O valor do pacote deve girar em torno de R$ 329,00. E não há previsão para uma venda em separado das camisas. Sinceramente, um senhor presentão de Natal! A camisa III entra na mesma ideia de marcas d’água usada na camisa do Joinville, mas os bordados e a combinação das próprias cores do clube deixaram a peça ao mesmo tempo ousada e tradicional. Já a camisa retro parece ser feita da mesma trama das camisas Taylored By do Cosmos e Manchester City só que mais esmaecida. A aplicação do antigo escudo do clube é um ponto a mais. Gosto muito da ideia que não tem como não ficar bacana, vide camisas como do Hertha Berlim, Estudiantes, Zenit…