Nova camisa III do Avaí

Na noite desta terça-feira, o Avaí apresentou seu novo terceiro uniforme para a Série A do Brasileiro. O uso do degrade continua sendo a tendência da temporada e a Fila vai acertando. O uso dos patrocínios em locais não tão bacanas é uma tônica das criações atuais, mas quanto a isso não há o que fazer. A estreia do novo manto avaiano é neste domingo contra o Vasco, pela 29ª rodada do Brasileirão. Mas para os fãs mais animados, nesta quarta-feira tem lançamento oficial da peça com direito a sessões de autógrafos na loja oficial do Leão, na Ressacada.

Camisa III da Roma

Enquanto o Timão tem sua camisa III na cor laranja inspirada no Terrão, modelo da Roma é inspirado no brasão cinza de La Lupa, a loba que alimenta os irmãos gêmeos Rômulo e Remo – símbolo da capital italiana. Ainda seguindo a defesa criativa da Nike, o uniforme é uma homenagem à história romana, onde de acordo com a mitologia, Rômulo fundou Roma em 753 A.C, depois que ele e seu irmão Remo foram abrigados pela loba. Comparado às outras criações da coleção, o degrade do cinza e branco é bem mais agradável que os fluores. E enquanto publicamos este post, a Roma que perdia de 3 para o Bate Borisov vai conseguindo reagir. Seriam os espíritos da Cidade Eterna ajudando a camisa a não ficar zicada?

Camisa dos 124 anos do Peñarol

A rodada deste final de semana teve a estreia do uniforme comemorativo dos 124 anos do Club Atletico Peñarol.  Detalhes como a impressão 1891, ano de criação da instituição e as listras diagonais remetem a origem ferroviária do clube de Montevidéu.  Aos que acham que já conhecem a peça, o template é o mesmo que agradou a turma na camisa do Viktoria Pilsen só que bem mais sóbria.

Camisa de 20 anos do Rochester Rhinos

Parte de uma das ligas secundárias dos EUA, a USL, os Rochester Rhinos está chegando ao seu 20º ano de vida e com a data, uma camisa especial. Fornecida de pela imortal Admiral, a peça foge um pouco do estilo da empresa que fornece quase sempre fardamentos ao invés de peças autorais. No caso dos Rhinos, temos o animal que dá nome ao time, no melhor estilo Novohorizontino / Finta e chifres nas mangas. Quem curtiu esta curiosidade pode tentar a sorte no Ebay.

Camisas Macron do PAOK

Seguindo com mais novidades da marca italiana, quem desfilou por estes dias sua indumentária foi o PAOK da Grécia. O conjunto em si não provoca surpresas ou arrepios, mas tem seus pontos legais como a camisa III camuflada e detalhe em alto relevo da águia na peça reserva. Sportingbet não é marca mais bacana para ostentar, mas também não prejudica. Saudades de lançamentos com WOW factor.

Camisa III do Bolton Wanderers

Mais uma camisa tributo, desta vez do inglês Bolton Wanderers aos que perderam a vida no desastre de Burnden Park há 70 anos.  No episódio, trinta e três torcedores morreram e centenas mais ficaram feridos quando um tumulto ocorreu no estádio durante um empate pelas quartas de final com o Stoke City em 9 de março de 1946.  Fabricada pela Macron, a camisa de edição limitada a 1000 unidades em tons de azul tem como detalhes os nomes das vitimas e data do evento bordado na parte de trás da gola. A ideia é usar o uniforme tributo por toda a temporada sem patrocínio algum em homenagem aos que se foram.

Fotos: Divulgação, Bolton News

Camisa tributo do Heart of Midlothian

Semana passada, o Trivela mostrou a nova camisa III do Heart of Midlothian. Nela o clube escocês estampou o nome dos seus patrocinadores, que ajudam a financiar as operações do futebol. Acontece que, no caso dos escoceses, esses patrocinadores são milhares de torcedores da Foundation of Hearts (FoH). Sem fins lucrativos, a organização foi criada em 2010 por alguns empresários torcedores do clube para tira-lo de seu abismo financeiro.A estratégia funcionou, e hoje em dia, o Heart of Midlothian é um clube tocado pelos seus fãs, por isso a homenagem na camisa. Lá estão os nomes de todos que contribuíram com a taxa mínima para ser acionista. Formula não é nova, mas ao ver a peça pela 1ª vez, jurava que era uma espécie de tom de jeans quando na verdade é um grande mural sobre um uniforme branco. Funcionou bem.

Camisa reserva do Brøndby IF para 2015/16

Neste domingo o Brøndby IF entrou em campo contra o Aalborg de roupa nova. Os camiseiros e torcedores do clube dinamarquês estão acostumados com os tradicionais uniformes azuis e amarelos, mas o que acontece se misturarmos as cores? Dá verde! Foi exatamente este o conceito adotado pela Hummel para as criações reservas. O template é o mesmo usado no conjunto visitante do St Pauli que em tom sobre tom tem um resultado mais legal que com cores combinadas. O box do patrocínio poderia não estar presente mas nem tudo é como queremos.

Camisa III do Clube do Remo

Na noite desta quinta-feira, a Umbro revelou a nova camisa III do Clube do Remo. A ideia foi mesclar as cores da bandeira do estado do Pará com o tradicional azul do uniforme do Leão.
A peça ainda tem como função homenagear a invencibilidade do Azulino no Campeonato Paraense de 2004. Quem conhece as criações da Umbro sabe que eles tem um histórico bacana do uso de marcas d´água, o que não foi o caso aqui. Não sei se estou ferindo alguma tradição do Remo, mas que tal seria uma peça predominantemente  vermelha com a faixa transversal branca como a bandeira do estado e nela bordas azuis que também seriam usadas nos punhos das mangas? Para estrela não ficar de fora, poderíamos tentar usa-la como marca d´água. E aí, curtiram a criação ou a ideia do Minhas Camisas?

Camisa da Juventus para Champions

Inspirado na rodada da Champions e no comentário do Kley sobre o uso dos dourados, paixão dos criativos, e que nem sempre caem bem, resolvi postar sobre a camisa da Juventus para competição. O release como sempre é ótimo!  Chamada pela Adidas de “spark in the night” (brilho na noite), a coleção engloba não só clube de Turim mas os grandes patrocinados da marca no continente  incorporando aos uniformes as principais características dos torcedores e das cidades que os representam. Na prática, é uma camisa acertada com um dourado opaco que abraça do patrocinador até o escudo sem razão para cara feia no passeio de domingo.