Camisa do EC Taubaté para A2 de 2016

Nesta sexta-feira, 27, o recém-promovido EC Taubaté apresentou sua nova camisa titular para disputa da Série A2 do Paulista de 2016. O Burro da Central deixa o fornecimento da marca Kanxa e volta a vestir RT Sports. Criação honesta, mas confesso que trocar a tradicional faixa transversal por um chevron, não sei não… Tem coisas que deveriam permanecer intocadas. Por ultimo, sabemos que a crise tá brava e que nem grande clube está com patrocínios garantidos, mas ainda queria ver o clássico logo da VW estampado no time do Vale.

Camisa e homenagem a casa do SV Darmstadt 98

Na rodada de hoje da Bundesliga, SV Darmstadt 98 vai entrar em campo contra o Colônia de roupa nova. A camisa mantém o azul predominante, mas ganha um detalhe: a ilustração do “Merck-Stadion am Bollenfalltor”, casa do Darmstadt desde 1921. Em edição limitada, o uniforme terá 1898, ano da fundação do clube, unidades disponíveis e será usado apenas neste jogo. Homenagem singela, bacana e que podia ter uma sobrevida. Lembrou, guardadas as devidas proporções, as criações da Umbro que colocava os estádios como marca d´água nos anos 90.

Camisa retro de 56 do Grêmio

Parte do pacote de novas camisas do Grêmio feitas pela Umbro, a edição retro de 56 foi apresentada na última semana. A peça é uma homenagem ao uniforme do ano do primeiro título do tricolor gaúcho no Estádio Olímpico. Os detalhes são sempre bacanas como o número “56” bordado na parte de trás, abaixo da gola, assim como o escudo e assinatura da marca. Já o material da camisa também contribuiu: é feita em poliéster e algodão. Opções para o Natal gremista é que não vão faltar.

Novas camisas da Escócia

Fora da Euro e de olho na Rússia em 2018, a Escócia apresentou neste final de semana seu novo conjunto de camisas. A titular aposta na tradição do tartan, o xadrez escocês que estampa os kilts. Enquanto isso a reserva, na cor rosa, tenta reinventar uma criação da Umbro no começo dos anos 2000 originalmente na cor salmão. Sinceramente, usar tartan na Escócia é sempre um acerto, mas pegar a camisa da Bósnia, um amalgama de várias peças passadas, ajustar a cor e o escudo não é bacana. A própria Adidas já fez peça de template para os escoceses e que ganharam mais atenção do que esta. Já a camisa rosa ganhou tons de desagravo da torcida na internet. Muito mais por uma releitura pobre do que pela escolha do rosa em si.

Camisa retro do St. Pauli

Começou a ser vendida nesta segunda-feira na loja virtual do St Pauli e também no site da Hummel, a nova camisa retro do clube de Hamburgo. A inspiração fica por conta dos uniformes usados em 1974 e será limitada a 2500 unidades.  Tem mais! Não é só o desenho que traz de volta o clima das antigas, o tecido utilizado na camisa é algodão!  Sinceramente quanto vi o teaser no sábado, Wow factor alert disparou, os olhos arregalaram e a mão coçou! Só o que faltava é a torcida mandar um “fica Hummel” e o acordo com a Under Armour ir para vinagre em razão do clamor popular.  Quem quiser ver a peça em ação, se ligue no jogo do St Pauli contra 1. FC Nürnberg dia 29.

Singela homenagem ao Corinthians, campeão brasileiro 2015

Nesta quinta-feira, o Corinthians empatou com Vasco e sagrou-se campeão brasileiro de 2015. Aproveitando o momento de comemoração pós-jogo, o Timão ainda apresentou sua nova camisa reserva. Sim, a mesma vazada meses atrás. Segundo a Nike, o design da peça é inspirado na bandeira do Estado de São Paulo e honra os títulos do clube. O estilo com listras horizontais eternizado nos anos 80 por goleiros do Parque São Jorge passa para os uniformes de linha. Parabéns ao Bando de Loucos.

Fotos: Divulgação, Gazeta Press, Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Camisa do Guarani na chegada de Flávio Caça Rato

Ontem, tanto veículos que cobrem o dia a dia do Guarani FC quanto de marketing esportivo ficaram em polvorosa! Primeiro pela apresentação do craque Flávio Caça Rato, depois por conta da camisa que nova estrela bugrina vestiu.  Habitualmente uma ou até duas grandes empresas auxiliam os clubes com a contração de craques. No caso do Guarani, são pelo menos nove marcas estampando o manto do clube de Campinas. Flávio Caça Rato ficou conhecido fora do circuito norte/nordeste após atuação na campanha do Santa Cruz que levou ao acesso à Série B do Brasileirão 2013.

Fotos: Rodrigo Villalba / Memory Press / G.F.C.

Camisa do Newcastle Jets em homenagem a RAAF

Desde o início da Hyundai A-League, o campeonato de futebol da Austrália, Newcastle Jets tem como marca três jatos F / A-18 Hornet, além do próprio nome “Jets”.  E baseado nesta ligação com RAAF (Real Força Aérea Australiana), comunidade Hunter Valley e a Base de Williamtown que o clube lança esta edificante camisa. Sem desmerecer a homenagem que é muito bacana, mas peças neste formato, com foto, lembra muito abadá de escola de samba.  Uma ilustração em marca d´água num estilo vintage talvez ficasse ainda melhor. Por aqui, o Avaí tem uma coleção de camisas com pontos turísticos de Santa Catarina.

Novas camisas da Bosnia para 2016

A camisa titular da Bosnia e Herzegovina, básica e inspirada nas cores da bandeira nacional, todos conhecem.  Porém, na última semana, a Adidas lançou a camisa reserva do país. Ainda mantendo as três listras nas mangas, a peça tem um tartan que prende os olhos na parte da frente. Lendo o Footy Headlines, a explicação para a aplicação da padronagem foi curiosa. Como nessa vida nada se perde tudo se transforma, que tal reciclar a camisa do Olympique de Marseille da temporada 10-11? E cá estamos nós…

Eliminatórias da Euro contra Irlanda

Camisa IV do Grêmio (Será?)

Saiu no Mantos do Futebol  que uma nova camisa IV do Grêmio foi posta a venda sem querer neste domingo na Netshoes. Parte da coleção da Umbro, a peça é predominantemente preta e traz finas linhas verticais celestes ao longo do dorso. Tanto na frente, quanto nas costas! Se não for alguma pegadinha ou teste de publicador da loja virtual, este é um pelo item para ser pedido ao Papai Noel por todos os tricolores gaúchos.